9 meses de Au Pair

O mês de Dezembro

O meu nono mês de Au Pair foi mágico, a palavra perfeita para descrever o encerramento deste, que foi um ano tão especial para mim!
O mês começou com a host family montando a árvore de Natal aqui da casa, que é enorme e ficou linda depois que a decoraram. Cada uma das kids tem uma caixinha com enfeites, que vão acumulando todo ano, achei bem legal! Outra tradição natalina deles aqui que achei super legal, é a do Elf on the Shelf, um duende ajudante do Papai Noel que "vem" do Polo Norte todos os dias para observar o comportamento das crianças, o que determina a quantidade de presentes que ganham de Natal. Cada dia, ele aparece em um lugar diferente da casa e os menores correm procurá-lo assim que acordam! Ah, e ele não pode ser tocado... As kids nomearam o aqui de casa de Eddie e eu tirei algumas fotos dele pela casa para mostrar aqui...

Também é tradição, pendurar as meias na chaminé. Elas são chamadas de stocking, justamente por ser nelas onde o Papai Noel "estoca" alguma surpresinha! A tia-avó das kids que visitamos em setembro, bordou a mão as meias dos quatro mais velhos, mas ainda não terminou a do Jack! Ele pendurou uma que fez na escola e a host comprou uma para mim de lã que é até personalizada com o meu nome, amei!
Falando em lareira, nós tivemos que acendê-la várias noites este mês, já que o inverno chegou com tudo...
O Jack também fez na escola, outra tradição natalina daqui, a Gingerbread House, uma casinha feita toda de doces!
E lembra que a minha host adora fazer cookies? Desde que cheguei, pelo menos uma vez por mês, ela fez, mas este mês, ela fez muitos, aliás, nós fizemos porque até eu ajudei! Ela faz bastante assim com as crianças para eles darem como presente para as professoras, os motoristas do ônibus escolar, os vizinhos... Ficaram fofos, né?!
Eles também tem como costume, fazer um cartão com fotos da família e enviar por correio para todo mundo que eles conhecem. Eu acho que a minha host family enviou uns 200 cartões! E receberam uns 200 também... O propósito é o de desejar Feliz Natal e Ano Novo aproveitando para mostrar o quanto seus filhos cresceram no ano. Isso me inspirou a escrever cartões de Natal para a minha família!
Bom, dia 12/12/12 completei nove meses do meu programa de Au Pair e recebi uma documentação do APIA referente a extensão. A duração desse intercâmbio é de no mínimo um ano e quando completamos nove meses, temos a opção de estender o programa por mais 6, 9 ou 12 meses e não precisa ser com a mesma host family. Algumas Au Pairs que moram aqui na costa leste do país por um ano, gostam de trocar de família e passar o segundo ano morando na costa oeste, na Califórnia, por exemplo. Pode acontecer também da host family não querer renovar com a Au Pair por mais tempo... O que não foi o caso da minha! Eles me chamaram para uma conversa e me disseram o quanto estão felizes e satisfeitos com o meu desempenho aqui na casa e que seria um prazer se eu resolvesse renovar com eles! Como o meu objetivo com este intercâmbio é o de me tornar fluente em inglês e por mais que o meu inglês tenha melhorado MUITO até agora, ainda não me considero fluente e como esta é uma oportunidade única, não pude deixar passar... Estendi por mais um ano e com eles, pois sou muito feliz aqui!
E não fui a única! Eu participei do meu nono Au Pair meeting, que este mês teve como tema, uma festa de sobremesas típicas dos nossos países e é claro que eu levei o meu brigadeirão!
Me encontrei com a Camilla e a Agnes que chegaram nos EUA comigo e a Camilla também estendeu com a mesma host family, mas por mais nove meses. A amiga Kéti também estendeu por nove meses com a mesma host family e ela não foi nesse encontro porque estava no Brasil, visitando a família!
Este mês, eu encerrei o nível 4 do meu curso de inglês e ganhei um presente lindo de aniversário:
O prêmio de melhor aluna da sala novamente!
Meu aniversário é dia 17 de dezembro e caiu em uma segunda-feira este ano. No sábado, dia 15, tive a cerimônia do curso com direito a bolo e parabéns, digo "happy birthday to me". Eu fui a escolhida para fazer um discurso e por isso estava um pouco nervosa aquele dia... Mas, deu tudo certo! Tirei fotos com os meus dois professores desse nível e também com as três outras Au Pairs da turma, duas são do México e uma é da China. Já estou ansiosa para o nível 5 que começa mês que vem e vai até abril!
 

Gente, eu fiz 25 anos! Já cheguei em um quarto de cem, hein! O dia do meu niver foi também o aniversário de 2 anos do meu blog! Eu recebi de presente da minha mãe, uma caixinha com esse bracelete benzido com a imagem da Nossa Senhora Aparecida, que por ser a Padroeira do Brasil, a minha host family não conhecia e outros mimos, amei tudo, mãe, obrigada! A Kéti veio me visitar antes de partir de férias e me trouxe um presentinho também. E a Fer, lembrou de uma vez que fomos na Target e eu namorei uma caixa de maquiagem, mas não comprei por estar sendo uma consumidora consciente e ela voltou lá e comprou para mim! #XOXO
No domingo, dia 16, as amigas Au Pairs brasileiras Fer, Aline, Jacque, Luiza, Veridiana e a recém-chegada, Grazi, me levaram para um jantar no diner de PleasentvilleDepois, fomos todas para a casa da Fer para o meu "parabéns pra você" e comemos bolo de chocolate com Guaraná! Thx for everything, girls!
Na segunda, meu niver mesmo, dormi até mais tarde... A Alba estava limpando a casa e me desejou ¡Feliz Cumpleaños e até me deu uma caixa de chocolates! Ela é uma querida e vem aqui duas vezes por semana, já me ensinou muito Spañol!
Quando as kids chegaram da escola, me abraçaram e me entregaram cartões que fizeram para mim! Até os avós deles, que moram aqui perto, vieram me desejar parabéns e me deram um cartão com US$50! Também recebi cartinhas de amigas e vários e-mails com mensagens lindas! Como as kids tem aula de piano nas segundas, a professora (que me deu chocolates!) tocou "happy birthday to you" e todos cantaram!
De janta, os hosts me levaram no Michael's, aquele pub que também é restaurante da cidade da Fer e da Kéti e que eu adoro.
Como era meu niver, a sobremesa foi cortesia da casa, bolo de Nutella com velinha para mais um happy b-day song!
De volta em casa, eles me entregaram o meu presente de aniversário...
Um colar lindo de ouro branco com um pingentinho de coração com um diamantezinho no centro.
Eles disseram que sou como um anjo para eles, que estão muito felizes porque eu decidi ficar mais um ano e que sou a melhor Au Pair que eles já tiveram! Fiquei muito emocionada e amei tanto o colar que não o tiro mais do meu pescoço!
Gisella 
It's great to know you're with us still, 
coming all the way from Brazil. 
Becoming part of our family, 
learning English so naturally. 
Knowing words to express the way, 
of how you feel on your birthday. 
We hope you're here for birthdays to come, 
to share with us as a family chum!
by Matthew & Grandpa
E falando em Michael's... Eu tive um date! Com o Mike, que conheci em maio no Michael's e que desde então me convidava para um date, que significa um encontro para fazer algo a dois. Nós fomos ao cinema e assistimos ao novo filme do 007 e como era ao lado da pista de patinação, ele me levou depois para patinarmos no gelo. O Mike é bem legal (e bem mais bonito pessoalmente!) a gente vem se conhecendo, pelo menos agora consigo entender nossas conversas!

No sábado, dia 22, eu fui com minha host family na cidade da avó da host para a festa de Natal alemã deles. Deixei um vídeo das crianças dançando com as roupas típicas, acho muito legal que eles gostam de seguir as tradições. Comemos comidas típicas também e muitos doces que o Papai Noel trouxe! Ele veio coletar as cartinhas que as kids escreveram pedindo os presentes. E eles me pediram que também escrevesse uma cartinha listando coisas que eu gostaria de ganhar de Natal! O Jack ficou com um pouquinho de medo do Santa Claus... No final da festa, eles fizeram um bingo de uma árvore de Natal, mas dos galhos dela, que tinham presentes em cada um e eles cortavam e distribuíam para os números sorteados.
Falando na cidade da avó, a minha amiga Cris, que é Au Pair na Carolina do Sul, veio passar o Natal com a host family dela e ficaram hospedados à 15 minutos da casa da avó das kids, em Long Island!
No domingo, dia 23, eu dirigi bem cedinho para buscá-la. Estacionamos na estação de trem da cidade da avó das kids, Merrick, e pegamos o trem para NYC! Descemos na estação Penn Station e lá pegamos um metrô até a South Ferry e fomos para o Battery Park, onde fica o barco que te leva para ver a Estátua da Liberdade!
Pegamos o barco e o passeio nele durou uma hora. Normalmente ele pararia na ilha onde fica a estátua mas, por conta do furacão da época do Halloween, ela estava fechada para reconstrução, já que parte dela foi destruída. Mesmo assim, conseguimos ver a estátua de pertinho!
Já era umas 10am quando o passeio acabou, então fomos tomar café da manhã no Starbucks. E de lá, andamos até o Graund Zero e tiramos essa foto em frente ao novo prédio World Trade Center que está sendo construído. Estava muito frio! Ali ao lado fica uma loja de departamentos que chama Century 21 e tudo lá é muito barato! A Cris comprou um óculos de sol da Armani para ela por US$20 e um para mim da Calvin Klein de presente de niver, amei!
Ainda andando, fomos até a famosa Ponte do BrooklynEstávamos no sentindo em um filme.
Lá, pegamos um táxi até o Central Park!
Adivinha o que encontramos assim que chegamos? A "Estátua da Liberdade"! A Cris fez questão de pagar US$1 para eu ter a minha foto na estátua, já que pelo barco não deu para tirar... O parque estava completamente diferente de quando fui no verão, digo, a paisagem mudou muito com o inverno. Passamos pelo corredor das árvores, o The Mall, e elas estavam todas sem folhas. Fomos até a Fonte dos Anjos e ela estava sem água... O que estava aberto, era uma pista de patinação no gelo, mas nós deixamos para fazer isso depois...
Continuando o nosso passeio, fomos até a escultura do LOVE e então, passamos em frente a loja American Girl Doll e entramos!
Essa loja é famosa por vender bonecas que se parecem com a menina que a compra. A da Jennifer é a cara dela e tem até roupas iguais! E acho que achei a minha, né?! De lá, fomos até o Rockefeller Center para vermos a famosa árvore de Natal do filme "Esqueceram de Mim 2" que é enorme e maravilhosa! Fica lotado de gente ali perto porque as decorações de Natal são lindas. Depois, nós fomos até a Grand Central e, finalmente, tirei uma foto minha lá (já fui várias vezes, mas nunca havia tirado).

A nossa última parada do dia foi, claro, na Times Square! E olha só quem encontramos lá: 
O Naked Cowboy! Naquele frio, só de cueca coitado. E a Cris, de novo, pagou US$1 para me ver pagando mico pelas ruas de NYC! #1dollarinmyguitar 
Tiramos fotos na escadaria vermelha e entramos em muitas lojas. Como estávamos mortas de tanto andar aquele dia, resolvemos ir fazer o check in no nosso hotel, o Paramount, ali pertinho da Times Square
Depois que descansamos um pouco, fomos para o hotel da frente, o chique Marriot, onde os tios e primos da Cris estavam hospedados! Sim, eles vieram passar o Natal em NY e combinamos de nos encontrar para jantarmos no restaurante do hotel deles, o The View, um restaurante giratório!
Ele fica no topo do prédio e dá uma volta 360º em uma hora, a vista é incrível e a comida também, amei! E foi presente do tio da Cris.
O dia seguinte, já era véspera de Natal e nós acordamos cedo para irmos patinar no gelo! 
O primo da Cris quis ir com a gente e quando passávamos pela Times Square, aparecemos no telão da loja Forever 21
Nós fomos na pista do Bryant Park, por ser mais barata e ter menos gente. Esta foi a minha terceira vez patinando no gelo e a primeira da Cris, nem preciso falar que levamos alguns tombos, né haha
Depois, tomamos mais um café da manhã no Starbucks e de lá, fomos para o Radio City assistir ao espetáculo das Rockettes, o meu primeiro show da Broadway! Não podia filmar ou tirar fotos, mas foi maravilhoso, elas dançam muito e dá para sentir a magia do Natal, super recomendo. O show acabou bem na hora do almoço, então comemos um lanche rápido no McDonald's e fomos para a nossa última atração de NYC, o museu de cera, Madame Tussauds! Bem na entrada, nos encontramos com as Rockettes! Tiramos fotos com muitas celebridades e teve até um filme em 4D, valeu super a pena ter ido lá, foi muito divertido!
Quase perdemos o último trem com destino a Long Island, mas deu tudo certo! Chegamos às 6pm na estação onde havia deixado o carro e de lá, fomos até a casa de um dos irmãos da minha host e a família já estava toda reunida, esperando a gente chegar para a ceia de Natal!
Nós fomos com as minhas kids e os primos nas casas dos vizinhos, de porta em porta, cantando canções de Natal para arrecadarem dinheiro para levarem na missa do galo (que aqui é chamada de midnight mass, "missa da meia-noite") Não sabíamos as letras direito... "We Wish You a Merry Christmas", "Jingle Bells", "Santa Claus is Coming to Town", "12 Days of Christmas", etc, então foi bem engraçado e a maioria das casas estavam tão, mais tão decoradas que nossa haha E, de repente, do nada, começou a nevar!
Foi a primeira vez que a Cris viu a neve e ficou toda emocionada! Voltando para a casa, as crianças abriram os presentes que ganharam dos tios e da avó e a gente ganhou algumas coisinhas também! A avó me deu o Crocs de inverno que pedi na cartinha do Papai Noel e a tia deu uma pulseira igual para gente! Minha host deu uma lembrancinha para a Cris e a outra tia me deu meias da Cinderella! Depois, fui levar a Cris de volta para a casa onde sua host estava hospedada e a conheci brevemente, mas as kids já estavam dormindo. Era tarde, cheguei em casa às 11:30pm e estava muito cansada para ir à missa com eles, que haviam chegado um pouco só antes de mim.
A manhã seguinte, era a manhã de Natal! As minhas kids me acordaram às 7am e correram para a árvore para abrirem os seus presentes! O Papai Noel comeu os cookies e tomou o leite que eles deixaram para ele perto da chaminé!
Os hosts fizeram pilhas com os presentes de cada um e eles tem que estarem todos juntos para começarem a abrir e claro que a mais velha foi a última a chegar. Bom, o Eddie realmente ajudou o Santa a decidir quantos presentes cada um mereceu, o Matthew ganhou 3 e as outras kids, 5...
Nós fomos para a sala ver o que tinha nas nossas meias e eu entreguei os presentes que comprei para eles.
Para o Jack e para a Jennifer, eu dei uma barraquinha para cada um porque eles adoram brincar de fazerem tendas com almofadas e cobertas! Para o Matthew, eu dei um ioiô chinês, "diabolo", os vizinhos tem e ele gosta de brincar quando vamos lá.
Para a Lauren, eu comprei uma lancheira nova (a dela era muito "infantilizada") e também uma garrafa de água que tem filtro, já que ela diz que a água dos bebedores da escola é suja! Para a Kristen, eu dei uma almofada de vaca porque que ela ama tudo que é de vaca! Para a host, a comprei um vaporizador de roupas para facilitar na hora de passar as roupas sociais do hostE, para ele, dei um Kit Caipirinha que host da Fer vende, legal né?!
E eu comprei para ela, uma capinha de celular verde-limão que ela queria e para suas kids, um kit de brinquedos de médico porque brincamos disso quando fui lá no Thanksgiving. Também comprei chocolates para os hosts dela e para a Alba. Para a Cris, eu dei um cofrinho I love NY e comprei cachecóis para as avós das minhas kids e um marcador digital de pontos de golfe para o avô, já que ele sempre joga golfe com o meu host! E, para a família toda, um porta retrato escrito "O amor transforma a casa em lar" Coloquei fotos minhas com eles e parece que gostaram bastante.
host fez essa montagem das fotos que tirou de mim no momento em que abria os meus presentes!
Gente, eu ganhei uma escrivaninha para o meu quarto!
E uma bolsa linda da Kipling com as cores do Brasil! Também ganhei um porta-joias de madeira, um calendário 2013 com fotos de NYC e um enfeitinho de árvore de Natal que é um presentinho e me disseram que é porque eu sou como um presente de Natal para eles! #love
Tudo lindo, mas eu preciso contar o que aconteceu alguns dias antes do Natal... O Matthew me tirou do sério e até me fez chorar! Ele é uma criança difícil, mas eu SEMPRE relevo, não levo para o pessoal, emocional, faço de conta que não ouvi, que não é comigo, que não entendo inglês, respiro fundo e conto até dez ou até saio do caminho, quando ele resolve falar abobrinhas de criança rica mimada. Mas, acredito que por estar meio deprê por conta do Natal, naquele dia, nada funcionou e quando ele gritou comigo porque eu guardei a lancheira dele no lugar "errado", eu não aguentei e disse tudo o que estava engasgado sobre o que penso sobre ele.
Quando a host chegou, viu que eu estava diferente e ao me perguntar se estava tudo bem, comecei a chorar... Então, ela disse que podia ficar off e lógico, subi aqui para o meu quarto (sem jantar). No dia seguinte, quando acordei, encontrei essa papelada no chão do meu quarto, que ele passou por debaixo da porta, com pedidos de desculpas. O chamei para conversar, também o pedi desculpas, mas expliquei que gostaria que ele tentasse, pelo menos, ser mais atencioso comigo já que o sempre trato como as outras kids, com carinho. Depois, a host veio se desculpar também e disse que ficou preocupada achando que eu iria querer ir embora ou pedir rematch porque foi exatamente isso que aconteceu com todas as últimas Au Pairs antes de mim! Com certeza, o Eddie viu isso!
Mas, voltando ao dia do Natal, eu passei o resto da manhã conversando com a minha família de verdade! Eles estavam todos reunidos na casa da minha tia, como costumamos fazer nos almoços de Natal! Fiquei pelo Skype vendo eles tomarem sorvete enquanto eu via a neve caindo pela janela. E à tarde, fui na casa da Fer levar o presentinho das kids dela (aqui uma comparação que fiz entre as nossas host families, na minha casa, as kids ganharam no máximo cinco presentes, mas na casa dela, não tinha nem lugar para pisarmos no chão da sala, que ficou lotado de presentes!)
Àquela noite, jantei em casa com a minha host family e depois da janta, assisti com eles o filme "It's a Wonderful Life" que é bem antigo e eles assistem em todas as noites de Natal.
Quando fui dormir, a host me avisou que estaria off no dia seguinte e eu corri avisar a Cris e nós combinamos de nos encontrarmos em NYC de novo! Dessa vez, ela já sabia como pegar o trem sozinha e eu fui de trem também. Almoçamos juntas lá e com os tios dela, mas começou a chover muito, então resolvemos ir naquela loja onde tudo é barato, a Century 21 e todos fizeram compras! Até eu comprei, uma calça de pijama I love NY. Voltando para o hotel onde eles estava hospedados, a chuva virou neve e nevou tanto que todos os trens foram cancelados, ou seja, tivemos que passar a noite lá!
Adorei o meu primeiro Natal nos EUA, ganhei quase tudo o que pedi para o Papai Noel, até a capinha cor-de-rosa do meu iPhone, que a host family não deu, eu ganhei do Mike! Só faltou o relógio (quero muito um Michael Kors). 
Eu trabalhei bastante nos últimos dias do ano porque as kids não tiveram aulas, nós jogamos muito videogame e assistimos bastante TV, já que está muito frio para brincar lá fora. Falando em TV, eu assisti com as meninas mais velhas, o programa "The X Factor" que parece com o Ídolos e vinha passando desde setembro. A Britney Spears era uma das juradas e a gente estava torcendo para a Carly, uma menina de 13 anos aqui de Westchester que canta muito bem e foi até para a final, mas ficou em segundo lugar... Eu tive também que trabalhar o dia 31 todo... E, para o dia passar mais rápido, eu e as meninas mais velhas resolvemos fazer um "videoclip" da música "This Girl is on Fire". A Kristen interpretou a cantora que diz que a menina está no fogo, a Lauren foi a menina que estava no fogo e eu, a bombeira que tentava apagar o fogo! haha Demos muitas risadas!
Fiquei off às 7pm e corri pegar um trem para me encontrar com a Kéti em NYC. Ela estava com as outras meninas no apê da sua host family. A Fer tinha recebido a visita de um primo e eles estavam na Times Square desde manhã e eu achei que a gente ia se encontrar com eles para passarmos a virada lá, vendo a famosa bola cair!
Fer e seu primo na Times Square!
Como achei que íamos ficar na rua, eu fui vestida com uma meia-calça de lã por baixo da minha calça que era BEGE, estava com uma blusa basiquinha de manga longa BRANCA e o casaco de frio era BRANCO também porque, afinal era Ano Novo, tradição brasileira se vestir de branco, né! Mas, quando cheguei e vi as meninas que estavam terminando de se arrumar...
Luiza, Kéti, Veridiana, eu e Aline
Bom, me senti, digamos assim, "desproporcional" haha Então, a Kéti me emprestou um vestido, a Veridiana, a sua botinha, a Aline fez o meu cabelo e a Luiza, retocou a minha maquiagem! Minhas fadas-madrinhas... Foi a primeira vez que eu passei a virada de Ano Novo de PRETO! Mas, aqui nos EUA, não faz parte da cultura deles se vestirem de uma cor específica, então, eu não estava diferente...
Como a Times Square estava fechada porque superlotou de tanta gente, nós fomos em um pub e quando entramos, ganhamos tiarinhas de Happy New Year, cornetinhas e até taças de champagne para brindar à meia-noite!
A gente acompanhou a contagem regressiva e vimos a bola cair pela TV! Dançamos muito depois da virada e ah, claro, eu liguei para a minha mãe para desejá-la Feliz Ano Novo!
Eu tenho tanto à agradecer por este ano que acabou de se encerrar...
2012 se resume em uma palavra: Superação! 
Estou muito orgulhosa de mim mesma! Aprendi a ser feliz sem ter que esperar momento algum para isso. Aprendi a simplesmente dar valor a minha vida, a cada momento dela, seja como ela é! Talvez porque por muito tempo, eu pensei que a minha vida fosse se tornar uma vida de verdade, mas sempre havia um obstáculo no caminho, algo a ser ultrapassado antes de começar a viver, um projeto não terminado, a conquista de um bem material e aí sim a vida de verdade começaria... Mas, por fim, cheguei a conclusão de que estes obstáculos eram a minha vida de verdade e essa perspectiva tem me ajudado a ver que não existe um caminho para a felicidade, a felicidade é o caminho! Não existe hora melhor para ser feliz do que AGORA... E é esta a minha mensagem para todas vocês, que estão sempre aqui comigo, minhas amigas de blog"A FELICIDADE É UMA VIAGEM, NÃO UM DESTINO!" Feliz 2013!