1 ano e meio de ex-Au Pair

O mês de Dezembro

O meu décimo oitavo mês de ex-Au Pair foi de volta ao Brasil! Estou escrevendo este post sentada na escrivaninha do meu antigo quarto na casa da minha mãe, foi exatamente aqui onde escrevi o primeiro post deste blog, 5 anos atrás, quando havia tomado a decisão de ser uma Au Pair! Jamais se passava pela minha cabeça que a minha vida iria ser a que tenho hoje. 5 anos atrás, eu era uma professora de educação infantil, estudando comércio exterior e tentando aprender inglês a todo custo para poder me registrar na Experimento. Hoje, eu sou uma estudante de educação infantil nos EUA, que está prestes a se casar com um American! O programa de Au Pair não me abriu uma porta de oportunidades na área profissional (bom, até que eu usei a experiência da casa da host family como referência quando procurava o meu atual trabalho de babá), mas o intercâmbio me proporcionou viver uma aventura e a minha decisão em ter continuado no país, para poder ter a experiência de frequentar uma faculdade americana enquanto trabalhando e agora "fazendo dinheiro", também está sendo aventuroso. Mas acabou. Este ano acabou... Minhas viagens ao redor dos estados dos Estados Unidos acabaram, aliás este ano, eu tive a oportunidade de completar minhas visitas aos 50 estados! Este ano, eu sobrevivi a trabalhos e provas de faculdade em uma língua que não é a minha (e estou de férias!). Neste 2015, eu pude escolher um apartamento para chamar de lar e agora, estou tendo o privilégio de poder estar de volta à casa onde cresci para celebrar o Natal com a minha mãe e família que são as coisas mais importantes do mundo para mim. E claro, este ano não precisei faltar ao trabalho nenhum dia porque, graças a Deus, não fiquei doente... E é por essa e muito mais graças que aconteceram, não somente este ano, mas pelo que me vem acontecendo há 5, que eu resolvi começar este "último post" agradecendo. Calma, eu não vou parar com o blog! Só acho que preciso dar uma atualizada por aqui, mudar pelo menos os títulos dos meus posts, afinal, é óbvio que eu serei "ex-Au Pair" para o resto da minha vida, né! haha E como a minha vida é de gente grande, eu decidi continuar registrando aqui os meus melhores momentos, mas a partir do ano que vem, em posts trimestrais, um para cada estação do ano!
O meu mês começou com um divertido passeio em NYC, fui com as béstas Dessa e Lê, ice skating no Central Park!
A Hanukkah foi bem cedo esse ano, começou no dia 6 e terminou no dia 14 e logo após, vieram o meu aniversário e o da Delilah, que é um dia depois do meu!
O dia 17, meu niver de 28, caiu em uma quinta, ou seja, eu trabalhei normal.
Mas eu recebi muitos mimos das kids e até bolo/brownie para parabéns e ah, eu fui com os pais na escola da Dee comemorar o niver dela com os irmãos e classmates!
E na sexta à noite, eu comemorei com as minhas amigas em grande estilo, fizemos um passeio de limo por NYC! Finalmente, eu conheci pessoalmente a Au Pair May Serafim, amiga de blog (ela fez um post dedicado ao meu niver, que linda!). Quem também a conheceu àquela noite foi a Nuara e além delas estavam a Juliana, a Gabi, a Fer, a Audrey, a Talita e claro, a Letícia e a Andressa! Nos encontramos na Grand Central, onde busquei a encomenda dos cupcakes de chocolate deliciosos da Magnolia Bakery (do seriado Sex And The City) e esmaltei as minhas unhas haha Então, em frente à Public Library, começamos o nosso passeio de limusine! Depois, fomos deixadas em frente a minha baladinha preferida, a LAVO, onde passamos o resto da noite nos divertindo para valer! #loveyougirls
A festinha de 4 anos da Delilah também foi comemorada um dia depois do niver dela, foi no sábado em que voei para o Brasil e como foi pela manhã, eu pude ir! Foi uma Princess Tea Party, até eu fui princesa!
À noite, o Mike me levou ao aeroporto e aquela foi a última vez que nos vimos esse ano. Infelizmente, ele não pôde vir comigo e esta foi uma decisão que teve que tomar de última hora. Seu chefe o pediu que adiasse suas semanas de férias porque precisava dele para dar andamento com o projeto e já com as malas feitas, preferiu perder a passagem do que o emprego.
Cheguei em São Paulo pela manhã do domingo e eu até havia combinado de me encontrar com a amiga de blog Bruna, mas a minha tia foi me buscar com a minha mãe para me levar direto para o aniversário da avó das minhas primas que estava comemorando os seus 87 aninhos!
No dia seguinte, os mimos começaram, mesa de café da manhã sempre posta para quando eu acordasse com as coisinhas que mais sinto falta de comer! E a primeira amiga que revi, foi a Tali! Ela me acompanhou na consulta médica e depois, nós "fomos shopping" no shopping! Almocei a comidinha deliciosa de sua avó e ganhei presentes da Faber Castel! Na terça, eu passei a manhã no salão da amiga Bruna fazendo progressiva e meu almoço foi com a amiga Dani, que me levou na Casa da Esfiha para comer coxinha e esfiha aberta, além do nosso suco favorito de laranja com morango!
De lá, nós fomos buscar a encomenda do meu bolo, dos salgadinhos e compramos velinhas e outros ítens cor-de-rosas porque naquela noite, eu comemorei o meu niver!
A Dani não pôde ficar, mas logo chegaram as amigas Tali e Pri, Amanda e Jamily com o fofo do Arthur, Débora e Dalva, a Ju e o Elvio com os ex-aluninhos Mi e Brian, até a amiga ex-Au Pair Kéti que mora em outra cidade foi! E claro, os meus tios Lena e Dinho e os primos Thais e Eduardo com os primos segundo removidos, João e Duda, e por fim, a minha mãe e irmão chegaram em casa e nós cantamos parabéns! #amovocês
Eu passei a quarta na casa da minha querida avó matando a nossa saudade, também matei minha vontade de tomar o sorvete da praça! A quinta já era véspera de Natal e eu ajudei a minha mãe em sua lojinha e lá, revi o meu amigo Caio! (ali é o baby Antonio em seu fofo cartão de Natal!)
A minha mãe fez a sua tradicional ceia de Natal e nós esperamos dar meia-noite para trocarmos os nossos presentes! O Mike me ligou e me enviou uma foto da árvore de Natal da casa da sua mãe.
E na manhã seguinte, dia do Natal, nós fomos para Natal, Rio Grande do Norte!
Foi a minha primeira vez no nordeste brasileiro, que calor gostoso! Nós ficamos hospedados no hotel Esmeralda Praia e adoramos tudo, foram 4 dias de mordomia, praia, piscina, música ao vivo, comida gostosa, cada noite um jantar típico de algum lugar, teve até uma noite americana!
Natal é a terra do caju e das dunas e com certeza o que mais gostamos, foi do aventuroso passeio de buggy que fizemos!
E eu e o meu irmão ainda criamos coragem e fizemos o skibunda haha
Além de ter saúde e poder rever a família, viajar e conhecer lugares novos se tornou a minha meta de vida!
De volta em Indaiatuba, as despedidas começaram. Eu me encontrei com a amiga crocheteira e extremamente talentosa, Elaine, que me fez uma toalha linda para a minha mesa redonda! A fofinha da Paulinha me fez uma visitinha, ela está terminando o colegial e já tem planos de ser Au Pair!
A família da minha bésta Andressa também foi em casa buscar umas coisinhas que ela enviou por mim e sua mãe, irmã gêmea, sobrinha e irmã caçula também me levaram mimos para eu entregar para a Dessa! Ah, e eu fui com as amigas-irmãs na Pepis!
Então, fui me despedir da minha avó e como ela ganhou um smartphone, eu a ensinei a usar o WhatsApp para nos falarmos por áudios! Passei a virada do ano com a minha família assistindo os fogos na prefeitura da cidade e estas fotos são da decoração de NYC que tirei quando fui patinar com as béstas no começo do mês, elas voltaram lá no ano novo! Como disse no começo do post, sou muito grata por todas as bênçãos e pelo caminho que Deus vem traçando em minha vida, mas o meu grande desejo para o ano que vem, ano do meu casamento, é o de poder receber a minha família nos EUA! Feliz 2016!

1 ano e 5 meses de ex-Au Pair

O mês de Novembro
O meu décimo sétimo mês de ex-Au Pair foi de viagem para os últimos 3 estados!
Mesmo com o clima esfriando no começo do mês, eu não deixei de levar as gêmeas para passearem no carrinho de bebê.
Elas adoram e eu também porque além de me exercitar, a paisagem é linda! Elas completaram 15 meses e estão tendo apenas uma nap (soneca) por dia, o que vem deixando meus dias mais agitados e mais divertidos também! Elas tiveram mais playdates este mês, a Noa ama pentear o cabelo e a Livia puxou o irmão, ela ama brincar de construir como ele!
Eu fiz um babysitting para o Asher e a Delilah uma noite e outro dia, para o Jack e a Jennifer e nós brincamos de Hedbanz, meu jogo preferido dos tempos de Au Pair!
E eu fui assistir o teatro da Kristen e o concerto musical da Lauren, que toca violino e o Matthew quis carona comigo porque ele curte o meu carro, o antigo Jeep do Mike! E este mês, teve o especial aniversário de 16 anos da Lauren, o Sweet 16 que é o nosso "debutante" no Brasil, mas ela não quis festa, comemorou com as amigas mais próximas em um passeio de limousine e eu fui com ela outro dia ao cinema assistir o Mockingjay Part 2 (nós assistimos a Part 1 no niver dela do ano passado!)
A bésta Andressa finalmente conheceu o "Castelo de Caras"! Agora eu sou praticamente vizinha de lá e já havia ido com a Lê antes, mas foi bem divertido com nós três! Aquele dia, elas almoçaram o meu strogonoff de salsicha com uva e comemos panetone, sorvete e vários leftover cookies do chá de bebê que eu havia ido no dia anterior. Ah, e nós fomos em Newark, NJ outro sábado e almoçamos no Delícias de Minas e fizemos comprinhas no outlet preferido da Dessa, o Jersey Gardens! (Ali sou eu fazendo propaganda para o Conversation Partner do WCC!)
A mãe do Mike me convidou para ir no chá de bebê da esposa do primo segundo do Mike que está grávida de uma baby girl e como eu havia ido em seu casamento em junho de 2014, fiquei feliz em ter participado. Ela se chama Debra e fala português porque seu pai é de Portugal e ele é dono de uma bakery então as sobremesas foram deliciosas! E a amiga ex-Au Pair, Deborah, também me fez uma visita este mês com o fofo do baby Antonio que completou 8 meses e já fica em pézinho sozinho!
Eu estava fazendo as malas, digo mochilas, quando eles vieram, a minha viagem do mês foi de novo com o Mike e foi durante o feriado Thanksgiving. Nós voamos na quarta de NY para Portland, Oregon! Foi um voo longo, mas com uma vista incrível das montanhas. No aeroporto, pegamos um trem bem baratinho até downtown e seguimos até a famosa Voodoo Doughnut, onde "Good Things Come in Pink Boxes"! A fila estava gigante, levamos mais de meia hora, mas conseguimos comprar as nossas rosquinhas e agora entendemos o porquê de serem consideradas as melhores do mundo, que delícia e quanta originalidade!
A nossa próxima parada seria no Lan Su, um jardim chinês e nós até fomos nele, mas estava fechado para reforma, então seguimos de trem até o Washington Park.
De frente ao Oregon Zoo, começamos uma hike sentido ao Rose Garden, que deve ser lindo no calor, mas consegui encontrar duas rosas que pareciam ter ficado esperando por mim! Logo em frente, encontramos o Japanese Garden, uma gracinha e com uma vista esplêndida de Mount Hood! Terminamos a trilha chegando em um museu e de lá, pegamos o trem e fomos visitar a maior livraria do mundo, a Powell's Books.
Já havia anoitecido quando chegamos, mas a livraria ainda estava aberta e eu comprei o livro perfeito! São três andares com mais de 1 milhão de livros em exposição e tem até uma sala de livros raros, interessante!
Depois, caminhamos até o Waterfront Park e tiramos fotos com a ponte que estava toda iluminada e fomos jantar em um restaurante chamado Bottle+Kitchen e amamos nossos pratos e os drinks!
Nós pegamos outro trem de volta ao aeroporto e passamos o resto da noite tentando dormir em nosso voo. No dia seguinte, quinta de Thanksgiving, nós acordamos em Fairbanks, Alaska! Nosso voo pousou às 10am e quando saímos do aeroporto, mal podíamos acreditar que a hora estava certa porque ainda estava escuro como se fosse noite! Nós pegamos um táxi até downtown e encontramos um diner aberto, o Airport Way, onde tomamos o nosso café da manhã. Então, fomos na loja Walmart porque todo o restante estava fechado por ser feriado e lá, as pessoas chegavam vestidas de shorts e camiseta porque para eles, a temperatura de 0ºC que fazia, era clima "agradável" para os moradores da cidade que chegam a enfrentar -25ºC!
A gente estava matando tempo, esperando a van do nosso hotel ir nos buscar, aproveitei e comprei lembrancinhas do Alasca (o Walmart de lá vende até revólveres e pistolas!). A van nos buscou às 11:30am e o caminho até o Chena Hot Springs, levou quase 1 hora e foi maravilhoso, parecia estar dentro do closet de Narnia!
Assim que chegamos, fizemos nosso check in e fomos fazer o tour da 1pm do Aurora Ice Museum e nossa, me senti dentro do castelo da Elsa, tudo lá é feito de gelo!
Esse tour é pago, mas estava incluso em nosso pacote de estadia e às 2pm, fizemos outro tour e que é free, o Geothermal Renewable Energyonde pudemos entender como eles produzem seus alimentos mesmo com tanto frio.
Daí, nos trocamos e fomos conhecer a fonte termal que dá nome ao hotel/resort. Foi a minha primeira vez em um hot spring e fiquei impressionada com a natureza, um lago de água naturalmente aquecida no meio de toda aquela neve! Ah, e era 4pm!
Como nós escolhemos o pacote Romantic Gateway para termos mais tempo de check out e jantar e café da manhã inclusos, nós também recebemos uma cesta com champagne e as taças eram brindes! E como era noite de Thanksgiving, o restaurante ofereceu um jantar bem típico com peru e tudo.
PS. Assim como no Havaí, a segunda língua no Alasca não é o espanhol como no resto do país, mas o mandarim! Mas, o nosso dia não parou por aí, ainda tivemos outro tour, o Snow Coach Aurora Viewing, sim, nós fomos atrás da Aurora Boreal! Queríamos muito ter visto as famosas Northern Lights mas, não foi daquela vez... Assim que chegamos ao topo da montanha, uma tempestade de neve muito forte começou, foi então que eu senti o maior frio de toda a minha vida, até o Mike disso isso! Nosso grupo ficou lá das 10pm às 2am, mas tudo o que pudemos ver foi a Aurora ao redor da lua, mesmo assim, foi uma experiência radical!
O dia seguinte amanheceu lindo, todo branquinho e depois de tomarmos café da manhã, nós fomos novamente nos relaxar na água do hot spring.
Fizemos o check out do quarto à 1pm e fomos para o Activity Center nos preparar para fazermos Snowmobiling! É tipo uma moto de neve, eu me atolei em uma curva haha O Mike adorou e a vista era incrível!
Depois, eu fiz sozinha o Dog Sled tour, fui sentada em um trenó puxado por cães!
Antes das 4pm já estava escuro de novo, mesmo assim, nós fizemos uma trilha com lanternas que terminou no Aurorium, uma cabana para observar as luzes.
Nós tínhamos reservas para jantarmos às 6pm e nossa, que delícia os nossos pratos! Eu comi o salmão mais gostoso da minha vida e o Mike se acabou no Alaskan King Crab Legs, pernas de caranguejo haha A van nos levou de volta ao aeroporto e durante o nosso voo, tivemos uma esplêndida surpresa: a aeromoça anunciou que era possível ver a Aurora Boreal pela janela! Uma pena não ter saído na foto, mas nós vimos! Era um verde fluorescente encantador, parecia mágica no céu, luzes dançando, nunca vi nada parecido e nunca irei me esquecer daquele momento!
Mais uma vez, nós acordamos em outro estado, às 6am do sábado pousamos em Seattle, Washington e fomos direto ao famosíssimo Pike Place Market!
Como o Mike ama o café do Starbucks, nós não podíamos ter deixado de ir na primeira loja, que foi fundada bem ali, em 1971. E foi a primeira vez que escreveram o meu nome certo no copo! Como só vendem drinks, nós comemos ao lado, no Pear.
Depois, seguimos para a Gum Wall, uma parede toda grudada com gomas de mascar, só que, uma semana antes, ela foi limpa pela primeira vez em 20 anos! Não dava nem para acreditar que já estava quase cheia de novo e nós ajudamos! Fomos até entrevistados!
De lá, fomos conhecer a roda-gigante no Pier 57 e nos encontramos com a minha amiga de blog, Ester! Ela mora lá como Au Pair e me disse que foi o meu blog que a inspirou a vir fazer esse intercâmbio, que querida!
Deixamos as nossas mochilas em seu carro e atravessamos o Olympic Sculpture Park para chegarmos até o ponto turístico mais famoso da cidade, o Space Needle e o dia estava lindo!
Nós visitamos o MoPOP, o museu de cultura pop que também é conhecido como EMP e que museu demais, valeu super a pena! 
E estava acontecendo a exposição "Hello! Exploring The Supercute World Of Hello Kitty" com milhares de objetos fofos dessa personagem que eu amo!
O boyfriend da Ester foi se encontrar com a gente e nós jantamos no Zeeks Pizza em um double date. Por último, voltamos ao Space Needle e pelo observatório, no topo da torre, vimos toda a cidade em 360º e então, eles nos deixaram no aeroporto. #thanksguys
Naquela noite, nós voamos de novo e o destino foi Vancouver, Canada! O voo durou apenas 40 minutos, passamos pela imigração em filas diferentes (claro que fizeram perguntas para mim e nada para o Mike) e fomos direto para o nosso hotel, o Comfort Inn em downtown. Chegamos quase meia-noite e estávamos exaustos, morrendo de sono. No domingo, tomamos café no hotel, fizemos o check out e seguimos caminhando, explorando um pouco a cidade, nos encantamos com o prédio da Central Library e mais ainda com o Gastown Steam Clock, um relógio movido a vapor com chaminés que apitam para indicar as horas!
E então, chegamos no Canada Place, que fica em frente ao mar e é um dos principais pontos da cidade, tem uma arquitetura inovadora, em formato de navio! Foi ali onde ficou a chama dos Jogos Olímpicos de 2010, bem legal e a gente queria muito ter feito o FlyOver, um simulador de voo virtual sobre todo o Canadá, mas o nosso shuttle já estava por partir. Nós tínhamos ingressos para passarmos a tarde no Capilano Suspension Bridge Park! O trajeto até lá foi lindo, passamos por entre o Stanley Park.
O Capilano é uma das principais atrações turísticas de Vancouver, tem uma ponte de madeira de quase 140 metros de comprimento a uma altura de 70 metros do Capilano River, várias trilhas de arvorismo entre árvores centenárias, plataformas nas encostas de penhascos e ainda conseguimos avistar a Grouse Mountain, foi uma aventura! Quando escureceu, no fim da tarde, luzes natalinas se acenderam e o lugar ficou mágico! Nós pegamos o shuttle de volta a downtown e pedimos para sermos deixados na Robson Street, onde comprei lembrancinhas. A gente queria ter jantado no Granville Island, mas já estava fechando quando chegamos, acabamos comendo comida japonesa perto de uma piscina gigantesca bem em uma praia! (Fechada, claro!) Então, pegamos um trem para o aeroporto e dormimos em nosso voo de volta. Eu já estive em Toronto e Montreal, mas aquela foi a primeira vez do Mike no Canadá e ele adorou! Chegamos em NY na segunda de manhã, passamos pela imigração, de novo em filas separadas por ele ser americano e eu não e daí, o Mike me deixou no consulado brasileiro e foi direto para o trabalho. Eu fui renovar o meu passaporte que já estava vencendo porque havia o tirado no começo de 2011, mas esse novo só expirará em 2025 e agora, que posso dizer que "eu já estive nos 50 estados dos EUA", quero poder carimbar este meu novo passaporte em muitos outros países do mundo todo!